UNEM

19 de Agosto de 2021


UNEM participa de reunião do CONDEPRODEMAT que aprovou exclusão de investimentos na fabricação de produtos derivados do petróleo

Na segunda-feira (09), o presidente executivo da UNEM participou da 6ª Reunião Extraordinária do CONDEPRODEMAT, que reúne a Secretaria Estadual de Fazenda,  a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico e a Casa Civil. Reune ainda PGE, FAMATO, FIEMT e FECOMÉRCIO.

Na reunião foi aprovada a exclusão do Sub-Modulo do PRODEIC, que previa incentivos fiscais para a produção de combustíveis fósseis em Mato Grosso.

Para o presidente executivo da UNEM, Guilherme Nolasco, foi uma grande vitória dos biocombustíveis, liderada pela UNEM, através de uma representação feita ao Ministério Público de Mato Grosso, que resultou em Notificação Recomendatória para a exclusão do referido sub modulo, sob ameaça de abertura de Inquérito judicial.

Na decisão, o Ministério Público aponta que Mato Grosso estaria descumprindo compromissos assumidos na COP 15, sobre a mitigação dos efeitos das mudanças climáticas, além de contrato firmado com captação de recursos internacionais com o Banco Mundial que prevê a contrapartida de redução de Gases de Efeito Estufa (GEE) pelo Governo de Mato Grosso.

Veja abaixo a resolução:

RESOLUÇÃO N.º 083/2021/CONDEPRODEMAT

O CONSELHO DELIBERATIVO DOS PROGRAMAS DE DESENVOLVIMENTO

DE MATO GROSSO – CONDEPRODEMAT, instituído pela Lei

n.º 7.958, de 25 de setembro de 2003, com atribuições definidas na Lei

nº 11.003, de 28 de novembro de 2019, e determinações do Artigo 17

do Regimento Interno do CONDEPRODEMAT, de 23 de maio de 2011,

com base nas deliberações de seus membros na 06ª Reunião Ordinária,

realizada no dia 09 de agosto de 2021.

CONSIDERANDO a Resolução do CONDEPRODEMAT nº 042/2019, que

definiria os percentuais de incentivos fiscais para produtos e subprodutos

do Submódulo PRODEIC Investe Fabricação de Produtos Derivados do

Petróleo.

R E S O L V E :

Art. 1º – Aprovar a exclusão do Submódulo PRODEIC Investe Fabricação

de Produtos Derivados do Petróleo da Resolução nº 018/2019/CONDEPRODEMAT,

revogando-se o inciso V do artigo 1º da Resolução nº

018/2019/CONDEPRODEMAT


Presidente executivo da UNEM participa do evento virtual “DATAGRO Abertura de Safra Grãos – Soja, Milho e Algodão 2021/22”

A DATAGRO realizou nos diaas 4, 5 e 6 de agosto o “DATAGRO Abertura de Safra Grãos – Soja, Milho e Algodão 2021/22”. Na quinta-feira (05), o presidente executivo da UNEM, Guilherme Nolasco, participou do painel, com a palestra “O Mercado de Biocombustíveis: momento e perspectivas para o etanol de milho e biodiesel”. 

O painel foi mediado pelo Plínio Nastarim presidente da DATAGRO, e contou também com a presença do conselheiro da UNEM, Glauber Silveira, representando a ABRAMILHO e do Erasmo Carlos Battistela, presidente da APROBIO.

Você pode acompanhar a palestra AQUI.


UNEM realiza 1º Encontro de Planejamento Estratégico

Na sexta-feira (06), foi realizado o 1º Encontro de Planejamento Estratégico da UNEM, com a participação do presidente executivo da entidade, Guilherme Nolasco, Cristhiane Brandão, da Brandão Governança, Sebastián Dicundo e Mario Jose Cacho Grippa, da IFF, Fernando Zioli Alfini, da INPASA, Eduardo Menezes Mota, da FS, Gilberto de Seixas Maia Neto, da NOVOZYMES, Cesário Ramalho, da ABRAMILHO e Marco Orozimbo, da ALDBIO. 

Na reunião, foi discutido o  ALINHAMENTO ESTRATÉGICO da UNEM e apresentada a metodologia e o cronograma de atividades a serem seguidas, com a definição das próximas etapas do projeto. Ficou definido também que o próximo encontro será presencial, nos dias 14 e 15 de setembro, em Sinop-MT. 


Reunião da Frente Parlamentar do Agronegócio discute a Reforma Tributária

A reunião da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), realizada na terça-feira (10), com a presença do deputado federal, Celso Sabino e do Presidente da FPA, deputado federal, Sérgio Souza, discutiu o projeto de Reforma Tributária, que tramita na Câmara dos Deputados. 

O presidente executivo da UNEM, Guilherme Nolasco, participou do encontro, onde foi apresentada uma prévia do texto a ser votado. O relator, deputado Celso Sabino, acatou várias sugestões das entidades do IPA e assegurou que a reforma não acarretará em aumento de impostos para o agronegócio.


UNEM participa de ato de assinatura da MP da venda direta de etanol 

Na quarta-feira (11), aconteceu em Brasília a cerimônia de assinatura da Medida Provisória, que autoriza a comercialização direto do etanol. O presidente executivo da UNEM estava no ato, que contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro, do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, da ministra da Agricultura, Tereza Cristina e do ministro da Economia Paulo Guedes.

“Foi um momento de prestigiar o Governo Federal, mais precisamente a equipe de Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia, juntamente com o diretores Pietro Sampaio Mendes e Marlon Arraes, além de todos os representantes das maiores entidades de etanol do país”, afirmou Nolasco.


UNEM faz reunião com o senador Zequinha Marinho, para debater a suspensão de ICMS para armazenagem de etanol no Pará

O senador Zequinha Marinho declarou apoio, além de promover a aproximação entre a UNEM e do secretário José Fernando, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Pará, para buscarmos a assinatura de um protocolo bilateral com o Estado de Mato Grosso, para a armazenagem de etanol no Estado do Pará, com a suspensão da cobrança do ICMS da origem até a efetiva comercialização.

Tal pleito possibilitará que as usinas de Mato Grosso estabeleçam um fluxo continuo de produtos destinados ao Pará, como estratégia de criação de um polo de abastecimento voltado ao Arco Norte e Nordeste, além da possibilidade futura de exportação.


Ministério da Agricultura debate a oferta e demanda de milho para os próximos 10 anos

Ainda em Brasília, o presidente executivo da UNEM, Guilherme Nolasco, participou na quinta-feira (12), da reunião com o  Secretário de Politicas Agropecuárias do Ministério da Agricultura, Guilherme Soria Bastos. 

Um dos principais temas debatidos no encontro foi oferta e demanda de milho no Brasil para os próximos 10 anos, o aumento de área plantada e produtividade do milho e o fomento e incentivo às florestas plantadas. 

O Secretário e sua equipe abriram as portas do Ministério, para que o setor possa contribuir na construção de políticas públicas, que deem sustentabilidade a cadeia do etanol de milho. Além disso, o secretário assumiu o compromisso de pautar a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, para o evento da FAO (FOOD SUMMIT), que acontece em Roma no mês de setembro, em prol da defesa do modelo de produção de etanol de milho brasileiro, amparado pelo milho de segunda safra, através da integração de culturas, mitigando o avanço sobre novas áreas de exploração e contribuindo com a oferta de alimentos.


E MAIS:

  • A 4ª Reunião Ordinária do COAGRO, realizada na segunda-feira (02), debateu temas como as Medias Provisórias 1040 e 1051, que estão em tramitação no Senado Federal;
  • Na quarta-feira (04), aconteceu a reunião com o secretário adjunto de arrecadação da Secretaria de Fazenda, Fábio Pimenta, para revisar a minuta do Decreto 1.061/2021, que prevê a remessa de etanol para armazenagem em estabelecimentos de terceiros fora do Estado de Mato Grosso;
  • E na sexta-feira (13), a UNEM realizou a reunião virtual com a assessoria de comunicação, a reunião virtual sobre Reforma Tributária e a reunião com Fernando Sampaio, PCI-MT;